Centro Ciência Viva de Bragança

O edifício sede do Centro é uma antiga central hidroeléctrica instalada na margem esquerda do rio Fervença, junto a uma queda de água. Está integrado numa paisagem de beleza excepcional. É possível visitar a nova e moderna microcentral que produz parte da energia consumida por esta casa e seguir a monitorização da gestão energética em tempo real.

O Centro inclui também a Casa da Seda, instalada num antigo moinho, na zona ribeirinha onde se localizavam tinturarias. Nela se pode compreender o ciclo de vida do bicho-da-seda e conhecer a indústria de produção artesanal da seda, outrora de grande importância para a economia local.

Nestes dois espaços o visitante pode “provocar” um tornado, pilotar um simulador do Google Earth ou experimentar uma corrida de caracóis. Somos ainda desafiados a reflectir sobre o impacto que as nossas acções têm no planeta. Os transportes que utilizamos, a escolha dos produtos que compramos no supermercado ou os nossos hábitos energéticos são alguns exemplos. De Abril a Junho, os bichos-da-seda fazem parte da experiência interactiva da Casa da Seda.

A energia, nas suas várias formas, a sua transformação e fontes renováveis e o impacto das acções humanas no planeta são os temas centrais deste espaço, que também promove cafés de ciência, workshops, festas de aniversário e oficinas científicas.

Centro Ciência Viva de Bragança – Edifício Sede, Rua do Beato Nicolao Dinis, 5300-130 Bragança | 273 313 169
Centro Ciência Viva de Bragança – Casa da Seda, Rua dos Batoques Nº 25, 5300-091 Bragança | 273 382 207
info@braganca.cienciaviva.pt | http://www.braganca.cienciaviva.pt

Veja o programa das atividades para este local

 

Investigadores envolvidos nas atividades: